Mega roleta

SEÇÕES

Estudo aponta principal benefício do café e você pode comemorar

O estudo, publicado no British Journal of Cancer, analisou os hábitos de consumo de café de 471.779 participantes no Reino Unido

Segundo os resultados, quem toma café, tem 50% menos chance de ter câncer de fígado | Reprodução: Internet
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Um novo estudo conduzido por cientistas da Universidade Queen, em Belfast, na Irlanda do Norte, descobriram a ligação entre o consumo do café a um menor risco de desenvolvimento de carcinoma hepatocelular, o tipo mais comum de câncer de fígado. Segundo os resultados, quem toma café, tem 50% menos chance de ter a doença, quando comparados aqueles que não consomem.

De acordo com especialistas, o antioxidante presente na bebida assume função protetora contra o câncer. Para alcançar esta conclusão, o estudo, publicado no British Journal of Cancer, analisou os hábitos de consumo de café de 471.779 participantes no Reino Unido. Esses voluntários se caracterizaram pelos seguintes fatores: idade mais avançada, do sexo masculino e com maior nível de escolaridade, se comparados com os demais.

O café de preferência entre os participantes era do tipo solúvel, considerado o mais comum no Reino Unido. Os voluntários também eram mais propensos a ser fumantes anteriores ou atuais, consumir níveis mais altos de álcool, ter colesterol alto e eram menos propensos a ter condições crônicas, como diabetes, cirrose, cálculos biliares e úlceras, em comparação com os que não bebiam café.

Qual o impacto do café para a prevenção do câncer?

Embora seja uma ótima notícia, o estudo não traz uma novidade, uma vez que pesquisas anteriores já apontavam ligação entre a bebida e o menor risco da doença. Por isso, acredita-se que o café seja capaz de aumentar o número de enzimas que combatem os radicais livres, responsáveis por algumas doenças, como o câncer, por exemplo. Apesar disso, não é possível garantir que o consumo diário não irá impedir o aparecimento de enfermidades, mas irá aumentar as defesas do corpo.

Bebida amada por brasileiros

O Brasil é segundo maior consumidor global de café, consumindo 21,5 milhões de sacas de 60 kg em 2021, segundo pesquisa divulgada pela Abic (Associação Brasileira da Indústria de Café) à época. Estima-se que a média diária nacional de café é de 3,8 xícaras, com o Mato Grosso sendo o estado dos “cafezeiros campeões”, tomando em média 7,1 xícaras por dia.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Mega roleta Mapa do site